Impacto do coronavírus nas empresas pode diminuir com ações do governo

Fonte: https://www.cnnbrasil.com.br/ | Da CNN Brasil, em São Paulo

 

Compartilhe

 

O novo coronavírus se tornou um grande empecilho para empresas. Com medidas cada vez mais restritivas de circulação, estabelecimentos e indústrias encontram dificuldade para produzir e escoar a produção.

No ABC paulista, prefeitos locais anunciaram a suspensão do transporte público. A medida afetou diretamente uma empresa de colchões da região, que viu suas vendas online despencarem 40%, o que a forçou a companhia a cortar em 60% seu investimento em mídia.

Diante do cenário negativo, governos ao redor do planeta anunciaram medidas que visam acelerar a economia mesmo diante de uma pandemia, como o corte da taxa básica de juros por parte do Banco Central do Brasil, que caiu para 3,75%.

Para Elias Sfeir, presidente da Associação Nacional dos Bureaus de Crédito, o movimento brasileiro tem consonância mundial. “É uma medida justa e apropriada, porém ela ainda não dará previsibilidade para a economia.”

Sfeir ainda defende outras ações mais incisivas por parte do governo, como a antecipação do 13º, que, segundo ele, traz a possibilidade para as pessoas “negociarem atrasos, além de desincentivar a inadimplência”.

Clique para assistir o vídeo

Coronavirus